22 de set de 2010

Vida seca


Meu Deus me socorre
Com é triste meu vivê
Severino foi embora
Me deixou apadecê
Com uma ruma de menino
Eu não sei o que fazê
O gado está morrendo
Não tem o que cumê
Eu que sou carpideira
Hoje choro mais um fio
Isto corta o coração
É triste o meu destino
Mande água Senhô
É o que mais quero
Um açude bem cheinho
Água de muito inverno
Severino quer vortá
Estou sonhado com este dia
Continuo no mermo lugar
Quero ter uma alegria
Mande água Senhô
Como é triste meu destino
Mande água Senhô
Um açude bem cheinho




*
By Sammis (uso livre)

Eu E O Tempo...
*
Faz tempo que aqui estive...
Tanto tempo que me perco
nas horas, nos minutos, nos segundos... nos ponteiros!
Esse tempo que faz tempo que enxergá-lo não consigo,
mas que, ao mesmo tempo, no dia a dia persigo,
aparece zombeteiro,
parece rir, à espreita, do meu desespero
ao lembrar que faz tanto tempo...
Desde a última vez que o tempo aqui se fez,
já esfriou e choveu; já secou e esquentou; já clareou e escureceu...
Filhos de amigos nasceram e um grande amigo morreu.
Nesse tempo que não senti, que aqui não apareci,
esqueci-me de que o tempo a mim não pertence;
o tempo não é meu;
não é meu o seu traçado, não é minha sua trajetória...
Do tempo, a história - suas horas, seus minutos, seu limite diminuto - está nas mãos de quem o criou,
dAquele que do tempo é o Senhor.
Alguns me questionaram onde estive esse tempo
em que a voz emudeceu.
Onde estive todo esse tempo?
No mesmo lugar do tempo: estive nas mãos de Deus!
*
Visite o blog da autora: http://umpoucodeazul.blogspot.com/



Um poema de Rosiane de Deus Bueno*


Paizinho...

Hoje eu precisei de Ti
Desesperadamente...
Como alguém falto de ar
Alguém fraco e triste
Sufocada pelo medo
Hoje precisei de Ti
Como nunca antes
Como o sedento caminhando
No deserto quente da prova...
Com os pés feridos do caminhar
Hoje como eu precisei de Ti...
Minhas lágrimas corriam
Elas clamaram por mim
Pois minha voz enfraqueceu
Pelos gemidos constantes
Hoje precisei do Teu colo
Do aconchego do Teu abraço
Do Teu beijo na minha testa
Espantando todo o medo
Hoje eu precisei da Tua voz
Dizendo que me ama
E que está tudo bem
E que Você está aqui

E Te encontrei...
Corri pros Teus braços
Numa calma brisa Te achei
E pude então respirar...
Senhor... obrigada...
Obrigada por nunca me deixar sozinha...

Visite o blog da autora: http://sendomoldada.blogspot.com

Quarta-feira, Agosto 04, 2010


Dois poemas de J.T.Parreira

Receita para fazer uma rosa
Como se faz uma rosa, a rosa
imensa, com pequenos pólenes
salpicando o ar
A serenidade da pétala
com outra pétala, o amor
do estame vertendo
Dois saltos de abelha entre dois lábios
E toda a seda
que vem ao colo do vento.


Lamento de Pastor

Lanço meus olhos na penumbra
para tocar o veludo
da tua lã, meu olfacto
lanço ao vento
para achar o teu perfume

lanço minhas mãos cansadas
de modelar silêncios
e meus ouvidos na sombra
lanço ao teu encontro
para desvendar teu corpo
entre os espinhos

lanço o meu coração
como uma estrela caída
que procura na noite
o teu balido.


http://papeisnagaveta.blogspot.com/

Oração da Mulher segundo o coração de Deus

SENHOR, por favor, dá-me de Raquel a arte de fazer-me amar.
Dá-me de Joquebede o espírito de sacrifício e renúncia.
Dá-me de Débora, a solidariedade e o estímulo.
De, Rute dá-me a dedicação e a bondade.
De Ana, dá-me a fé a fibra para cumprir o voto.
Dá-me a astúcia de Mical, para usá-la no bem, não para o mal.
Como Abigail, faz-me mensageira da paz.
Como Ester, que eu seja desinteressada e altruísta.
Como Maria faz-me pura e humilde, e como Isabel,capaz de regozijar-me com o bem alheio.
De Marta, dá-me a disposição para o trabalho material e de Maria, o anseio espiritual.
Como Dorcas, a costureira que eu seja útil ao necessitado.
E como Lídia, a mulher hospedeiram que eu abra a porta ao que chegar cansado.
Como a mulher samaritana, que eu corra a falar da salvação.
SENHOR, por favor, tira de mim se houver :
A vontade de olhar para trás da mulher de Ló,
A preferência por um filho de Rebeca.
O desejo adúltero da mulher de Potifar.
A traição de Dalila.
A trama macabra de Herodias.
De Ti , SENHOR, suplico a paz , a bênção e o perdão.



CADA CRENTE UMA MISSÃO

Nestes momentos cheios de alegria
que enchem nossa alma e nossos corações,
quando podemos com toda harmonia
fazer notório as grandes pregações,
lembremo-nos, irmãos, dos missionários
que levam a lutar a salvação,
atravessando os pântanos e as selvas,
ameaçados de grandes perigos,
levando a Bíblia a longas regiões.

Como lutaram o irmão Daniel Berg
e Gunnar Vingren! Como pelejaram!
Atravessando as matas, incansáveis,
longos caminhos, regiões inabitáveis
para levar a paz, a esperança e o amor.

Pará, foi mui distante a mensagem eterna
que às terras brasileiras enviaste,
quando a cegueira, o vício, a tradição
escravizavam cada coração,
em tempo boa semente semeaste.

Bandos de aves em vozes harmoniosas,
borboletas azuis que lá se vão...
Entre a mata cerrada o sol vai se coando
e a blandícia do vento murmurando
frases de alento para o mensageiro,
que entre a folhagem espessa vai passando:
o missionário cheio de esperança,
para levar ao lar sem vizinhança,
de distância em distância,
a mensagem de fé e salvação.

A porta foi aberta, o caminho preparado:
Por ele já passaram multidões,
Salvação alcançaram, foram batizados
E hoje descansam das tribulações.

Ó como é tão sublime esta certeza
de encontrarmos os nossos mensageiros,
lá no lugar onde não há tristeza
mas para sempre gozo verdadeiro.

E para que a Pátria estremecida
não sofra do pecado o seu salário,
e tenha para sempre a paz e a vida,
cada um de nós seja um missionário!

Jaboatão, Out 1970



A fonte e o Poço

Jesus descansava à beira do caminho
Enquanto aguardava, paciente, os caminhantes,
Ali, tranqüilo, o Mestre põe-se a meditar sozinho,
Lembrando de Israel os tempos tão distantes.

Do passado se lembrava com clareza,
Até dos preconceitos que os separava.
Em sua mente, preocupado e com tristeza,
Uma oportunidade nova, ainda Ele aguardava.

Desceu ao poço a mulher de Samaria,
Esbelta, aventureira e cheia de ousadia.
No ombro o cântaro vazio ela trazia,
Em busca da água que sempre recorria.

Essa mulher o poço apenas conhecia.
Os erros, os pecados de sua mocidade,
Faziam com que sua alma, seca e vazia,
Buscasse em algum poço afogar sua ansiedade.

A fonte ela encontrou nesse belo dia.
Surpresa, ansiosa e sem temeridade,
Deixou o cântaro e o poço, tudo que possuía,
E da fonte experimentou eterna felicidade.

O poço representa a nossa ansiedade,
Pois quem dela bebe a ela volta novamente.
Numa sucessão que se vai até a eternidade.
Jamais satisfará alguém completamente.

A fonte é diferente em sua trajetória,
Corre sempre, sempre, em direção ao mar.
Da fonte Viva, esta também é a sua história,
Correndo sempre, novas vidas, fontes vai formar.

Cristo é a Fonte Viva e jamais um poço;
Ao sedento e insatisfeito supre para sempre.
Quem a ele chega, mesmo com esforço,
Há de ser nova fonte e jamais um poço.

Deixa, pois, jorrar em sua vida
A fonte imperecível de amor e luz
Quem da fonte se abeberar na lida,
Há de ter, na sua vida, a presença de Jesus!

Fonte: http://www.batistadobraga.org.br



Falta uma
No aprisco tão cheio de amor,
Percebe atento o Pastor
Que entre tantas ovelhas,
Falta uma lá...
Eram noventa e nove,
Falta uma lá.
Entre tantas vozes,
Ele sente falta daquela voz.
Entre tantos olhares,
Ele deseja rever aquele olhar.
Entre tantos corações,
Ele quer voltar àquele coração.
Entre tantas vidas,
Ele quer reencontrar aquela vida.


Volta hoje, ovelha perdida,
O Pastor te espera
Com o melhor da Vida,
Com a melhor comida!
Ele tem perdão pra você,
Ele tem amor pra você,
Ele tem paz pra você,
Tem festa pra te receber!
De braços abertos, espera você!


Ovelha perdida, nunca esquecida,
Sempre querida pelo Bom Pastor!


Jesus te encontrou,
Estavas perdida, foste achada,
Estavas morta, reviveste...
Deixa Ele te trazer de volta
Pro aprisco da comunhão,
Pois Ele sabe: falta uma.
E não descansa: falta uma.
Ele te quer, Ele te ama!


Mais vale uma alma salva
Que o mundo todo perdido.
Teu valor não passou,
O Pastor Jesus ainda te chama!
Ele te abraça, te lava, te limpa, te leva,
Ele te restaura, revigora, renova... és bem-vinda!


Ovelha encontrada, nunca abandonada,
Sempre amada pelo Bom Pastor!



Tu tens me dado

Em cada dia, um novo amanhecer.
Em cada alegria, mais vontade de viver.
Em cada sonho, mais motivo pra avançar.
Em cada desafio, a coragem de conquistar.
Em cada luta, a força pra vencer.
Em cada prova, oportunidade de crescer.
Em cada vitória, humildade e gratidão.

Em cada instante, certeza de salvação.
Em cada noite, a esperança da manhã.
Em cada crise, a verdadeira fé cristã.
Em cada choro, o consolo da tua mão.
Em cada perda, a confiança da tua direção.
Em cada decisão, sabedoria pra escolher.
Em cada situação, discernimento pra te ver.
Em cada medo, ousadia e superação.

Em cada tristeza, motivos de adoração.
Em cada olhar, a expressão do teu amor.
Em cada frio, uma chama de calor.
Em cada resposta, obediência pra te ouvir.
Em cada momento, sensibilidade pra te sentir.
Em cada treva, possibilidade de brilhar.
Em cada perdido, a missão de evangelizar.
Em cada segundo, disposição pra me doar.

Tu tens me dado... e eu preciso mais e mais...
Por toda a vida, em tudo quero te exaltar.

19 de set de 2010

Temas: JESUS

O teu e o meu amor

O teu e o meu amor
Fico pensando, como posso ser feliz assim?
Fico me perguntando para que tanto amor?
Não posso entender como Ele conseguiu agüentar o fardo.
Mas a maior pergunta da minha vida é:
Como posso eu amar tanto um homem que nunca vi?
Como posso amar tanto assim alguém que nunca vi do meu lado?
Como posso chamá-lo de papai se eu nunca toquei no seu rosto?
E a resposta vem depressa, soando baixinho em meu ouvido...
Eu o amo porque Ele me amou primeiro.
Eu o amo porque Ele trocou a minha vida pela dor na cruz.
Eu o amo de todo o meu coração porque Ele deu tudo o que tinha a glória,
o poder, a majestade, o trono e o ouro, somente para me ver sorrindo.
Eu o amo porque Ele não teve vergonha de me amar.
Eu o amo além do que posso amar o mundo.
Não existem palavras que possam expressar o que sinto.
Eu o amo porque Ele não pensou duas vezes antes de derramar seu sangue.
Eu sei que Ele também me amou,
pois a cada segundo posso senti-lo falando ao meu coração.
Quando estou à beira do abismo posso ouvi-lo correndo em minha direção.
Quando o oceano tenta me engolir posso sentir suas mãos feridas me socorrendo.
Quando choro pode sentir o seu abraço me consolar.
Quando grito por socorro posso sentir suas mãos me tocar e me curar.
Quando estou tristonha Ele é o meu sorriso.
Ele é o meu sol, meu dia, minha razão de viver, meu céu.
Ao ouvir seu doce nome minha alma se desfalece.
Não posso suportar ver o sangue que ainda permanece na cruz.
Não suporto ver em suas feridas o meu nome escrito Mas apenas senti-lo,
não é o suficiente, eu te quero mais muito mais.
Eu quero vê-lo face a face, quero tocá-lo, senti-lo,
abraçá-lo, beijá-lo, falar com Ele.
Eu quero mais, além que o sol, além que a terra, além que do oceano.
Quero ir mais fundo, profundo quero mergulhar em seu coração.
Quero ser o motivo de seu sorriso.
Quero vê-lo se levantar do trono diante de mim.
Quero vestir suas vestes, calçar seus sapatos e abraçá-lo o mais forte que puder.
Não quero largar dele jamais, pois cada olhar dele é uma declaração de amor.
Quero sentar em seu colo e dormir em seus braços ouvindo sua voz.
Quero cantar só para Ele ouvir e dar tudo que tenho a Ele se conseguir ao menor ser a sola de seus sapatos, será uma honra, pois andarei com Ele sempre
Vou cantar para o mundo declarar, o meu coração é teu!!!!!!!!!!!!!!!!
JESUS.

de Kaisa
Birigüi - SP - por correio eletrônico



A FÉ EM JESUS CRISTO
Autor: Denilson Alayon dos Santos
Enviado por: Denilson Alayon dos Santos em 01/03/2010

A salvação é um dom da graça de Deus,
Mas somente podemos recebê-la em resposta a fé,
Fé significa crer firmemente no Cristo crucificado como nosso Senhor,
Fé que inclui arrependimento de todo coração,
Fé que inclui sincera obediência pela retidão,
Fé que inclui uma fidelidade de sacrifício,
A salvação pela fé abrange em ser salvo da condenação,
E também ser salvo para comunhão com Deus,
Fé significa confiar seguramente no Cristo ressurreto como nosso Salvador,
Fé que inclui desviar-se do pecado como uma atitude contínua,
Fé que inclui uma vida de devoção,
Fé que inclui uma busca dedicada da santificação,
A fé em Jesus Cristo é a única condição prévia,
Que Deus requer do homem para salvação.


PEQUENAS COISASAutor: LOURDES NEVES CÚRCIO
Enviado por: Lourdes Neves Cúrcio em 31/05/2010




Bendiga a vida e a viva plenamente
Sabendo dar valor às pequeninas coisas
Que quase sempre nos passam despercebidas
Porque nós simplesmente as ignoramos
Por pensarmos que são insuficientes.
A verdade é que nós somos tentados
A ver a felicidade bem distante...
Quando às vezes ela está junto de nós
Bem mais próxima do que imaginamos;
Afoitos, corremos para buscá-la
Bem ao longe, onde a idealizamos,
Ao final ficamos tristes e frustrados
E perdemos a chance de vivenciá-la.
Felicidade, a encontramos na esperança
Do amanhã que será mais um novo dia
Precedido e ternamente celebrado
Pelo alarido de um bando de passarinhos
A ecoar esfuziante melodia.
Está no amor, na amizade, na poesia
Na natureza, na alegria incontida,
No simples gesto de elevar as mãos ao céu
E agradecer ao Criador o dom da vida!



PRESENÇA DIVINAAutor: LOURDES NEVES CÚRCIO
Enviado por: Lourdes Neves Cúrcio em 26/05/2010

Sinto, meu Deus, tua presença
Em mim a todo momento
Inundando corpo e alma
Num sopro de vida e alento!
Apesar de não te ver
E não poder te tocar
Te sinto no ar que eu respiro
No meu coração a pulsar.
Estás no sol que me aquece
Nos dias frios de inverno
Nas aves em revoada
Entoando um canto terno.
Te encontro no mar que murmura
Nos rios, cachoeiras e fontes
No esplendor de um novo dia
Que desponta no horizonte.
Te sinto no voo dos pássaros
Que bailando te cultuam
Te vejo no azul do céu
Nas nuvens que nele flutuam.
Consigo sentir tua presença
Nas florestas verdejantes
Na lua que a noite ilumina
Nas estrelas fulgurantes.
Estás no calor do verão
Na brisa que me acaricia
Na chuva, nas flores, na terra...
No fruto que a fome sacia.
Estás também no arco-íris
A refletir tua aliança
Colorindo o firmamento
Prenunciando a bonança.
Presente estás em mim
Na inspiração destes versos
Presente estás no ser vivente
Na imensidão do universo!


JÁ ANDEI, MAS AGORA
Autor: Denilson Alayon dos Santos
Enviado por: Denilson Alayon dos Santos em 22/02/2010

Já andei pela estrada terrível do desespero,
Mas agora eu encontrei a paz,
Já andei pelo vale escuro da desarmonia,
Mas agora eu descobri o amor,
Já andei pela direção contrária do desengano,
Mas agora eu tenho esperança,
Já andei pelo atalho sombrio da destruição,
Mas agora eu desfruto da graça,
Já andei pela beira lúgubre do terror,
Mas agora eu obtive a alegria,
Já andei pelo caminho largo da perdição,
Mas agora eu alcancei salvação,
Já andei pela vereda suja do pecado,
Mas agora eu sinto o perdão,
Já andei pelo abismo obscuro da morte,
Mas agora eu recebi o dom da vida eterna,
Agora eu vivo para Cristo Jesus.




SO DEUS É CAPAZ

Autor: Denilson Alayon dos Santos
Enviado por: Denilson Alayon dos Santos em 09/11/2006
Visualizações: 2165



CAPAZ DE COLOCAR UM SORRISO EM MEU ROSTO
MESMO NAS HORAS MAIS TRISTES;

CAPAZ DE ALEGRAR MEU CORAÇÃO
NAS NOITES DE ANGÚSTIA;

CAPAZ DE OUVIR MEU CLAMOR
EM ÉPOCAS DE AFLIÇÃO,

CAPAZ DE DAR PAZ
QUANDO ME ENCONTRO EM TRIBULAÇÃO;

CAPAZ DE ALIVIAR O PESO
QUANDO O FARDO ESTÁ PESADO;

CAPAZ DE DAR-ME CONFORTO
NO MOMENTO EM QUE ESTOU CANSADO;

CAPAZ DE REVELAR OS MISTÉRIOS
QUANDO BUSCO SUA FACE;

CAPAZ DE DAR-ME FORÇA
NAS BATALHAS DESTA VIDA;

CAPAZ DE LEVANTAR-ME
QUANDO TROPEÇO NAS PEDRAS QUE HÁ NO CAMINHO;

CAPAZ DE AUMENTAR MINHA FÉ
QUANDO PENSO QUE ESTOU FRACO;

CAPAZ DE DAR-ME A VITÓRIA
QUANDO TUDO PARECE ESTAR PERDIDO;

CAPAZ DE DAR-ME DE SEU AMOR
EM DIAS QUE PRECISO DE CARINHO;

CAPAZ DE PERDOAR-ME E OFERECER GALARDÃO
EM SUA MORADA ETERNA...